"Iracema" (José de Alencar)

"Iracema" (José de Alencar)

Arquivo "mp3"
disponível
R$3
Encomendar
Condições de pagamento e frete
Informação de contato
  • Pessoa de contato: O Virtuador
  • Telefone: (16) 9995-2811
  • Endereço postal: centro, Orlândia, São Paulo, 14620000, Brasil
Descrição detalhada de um produto

O romance conta, de forma poética, o amor quase impossível entre um branco, Martim Soares Moreno, pela bela índia Iracema, a virgem dos lábios de mel e de cabelos mais negros que a asa da graúna e explica poeticamente as origens da terra natal do autor, o Ceará.
Para José de Alencar, como explicita o subtítulo de seu romance, Iracema é uma "Lenda do Ceará". É também, segundo diferentes críticos e historiadores, um poema em prosa, um romance poemático, um exemplo de prosa poética, um romance histórico-indianista, uma narrativa épico-lírica ou mitopoética. Cada uma dessas definições põe em relevo um aspecto da obra e nenhuma a esgota: a lenda, a narrativa, a poesia, o heroísmo, o lirismo, a história, o mito.
A relação do casal serviria de alegoria para a formação da nação brasileira. A índia Iracema representaria a natureza virgem e a inocência, enquanto o colonizador Martim (referência explicita ao deus romano da guerra Marte) representa a cultura europeia. Da junção dos dois surgirá a nação brasileira, representada alegoricamente, pelo filho do casal, Moacir ("filho da dor").
A palavra Iracema é um anagrama de América. Para alguns críticos, esse anagrama é proposital, e o livro trata-se pois de uma metáfora sobre a colonização americana pelos europeus. O desenvolvimento da história e, principalmente, o final, remetem fortemente à história local.

Informação para encomenda
  • Preço: R$3
  • Meio de empacotamento: Após a confirmação do recebimento através da nossa parceria de cobrança, será encaminhado para seu e-mail um link para fazer o download do arquivo.
Categoria do catálogo Negociol.com: Outra técnica áudio, vídeo e fotográfica em São Paulo
Criado: 13/01/12 14:01
Alterado: 18/03/13 07:06